Sobre elefantes voadores e drogas

dumbo2O vício repousa em uma dissociação, ou seja, conscientemente você sabe que fumar faz muito mal, dá câncer, etc., entretanto a pessoa fuma. Isto acontece além do controle do córtex. A pessoa diz ser capaz de parar a hora que quiser, mas não para. Garante que tem liberdade, mas não tem escolha para dizer não, logo não tem liberdade.

Memória e Psicoterapia: Milton Erickson & Eric Kandel

erickson_in_college

Eric Kandel

Milton Erickson

Reconstruindo o passado emocional dos clientes    Eric Kandel–> Acima (à esquerda – Milton Erickson)   O jovem  Erickson (in College) – acima

“Não tenho amigos, vivo sozinha e sou muito sem graça para me casar. Decidi procurar um psiquiatra antes de cometer suicídio. Vou tentar por três meses, e então, se as coisas não se endireitarem será o fim “.  Estas foram as palavras de uma jovem de 20 anos para Milton Erickson…

Por outro lado o prêmio Nobel em fisiologia ou medicina no ano 2000, Eric Kandel, nos fornece dados consistentes sobre a memória para embasar a psicoterapia e a hipnoterapia.

Como proceder nos casos de abandono da terapia?

      Como proceder nos casos de abandono da terapia nos SPA?

           Conselhos aos supervisandos e aos jovens terapeutas.    dsc01232                                      

Em resposta a indagação acima:

Há uma fila de gente querendo terapia, então dêem consciência ao cliente sobre isto, se quiser ele poderá voltar um dia… Para o fim da fila no caso do SPA, rssss! … E talvez você já não esteja mais lá.

Sobre o Ceticismo by Carl Sagan

Carl Sagan

Carl_Sagan_Planetary_Society

O que é ceticismo? Não é nada muito esotérico. Nós o encontramos todos os dias. Quando compramos um carro usado, se formos minimamente inteligentes, nós exercitaremos pelo menos um mínimo de atitudes céticas – se nossa formação escolar tiver deixado alguma coisa. Você pode dizer “este sujeito parece honesto. Eu vou acreditar em tudo que ele disser”. Ou você pode dizer “bem, eu ouvi dizer que às vezes acontecem pequenas fraudes na venda de um carro usado, talvez sem o conhecimento do vendedor”, e aí você faz alguma coisa. Você chuta os pneus, abre as portas, olha sob o capô (você pode fazer tudo isso mesmo se não souber o que deveria estar sob o capô, ou pode trazer um amigo com queda para mecânica). Você sabe que algum ceticismo é necessário, e você entende por quê. É desagradável que você talvez tenha que discordar do vendedor ou lhe fazer perguntas que ele não queira responder. Há ao menos um pequeno grau de confronto interpessoal envolvido na compra de um carro usado e ninguém diz que isso seja especialmente agradável. Mas há uma razão boa para ela – porque quem não usar um mínimo de ceticismo, quem tem uma credulidade absolutamente irrestrita, provavelmente pagará algum preço por isso. Então se arrependerá por não ter feito um pequeno investimento em ceticismo.

*Havia no final deste artigo comentários sobre o filme What the bleep do we know – Quem somos nós – porém resolvi transformar tais comentários em um artigo para diminuir a extensão deste.

* Também enriqueci este artigo com vídeos da antiga e excelente série Cosmos. Interessante observar que no primeiro episódio há uma introdução da esposa de Carl Sagan, vale a pena conferir. Coloquei todos os episódios aqui, com exceção do segundo que se acha bloqueado por direitos autorais (Sic).

Etapas da psicoterapia estratégica com famílias

             dsc04759Etapas da psicoterapia estratégica com famílias (Lugão, 30/10/98)

1 – Iniciando com a família – a aliança terapêutica

A questão do rapport é básica. Em qualquer terapia, individual, casal ou família. Seja em uma “simples” entrevista ou numa situação de perícia é fundamental ser cordial com todos os presentes.

Noções básicas sobre a terapia de família

 Noções básicas sobre a terapia de família

image0022By Luganus in 23 de outubro de 2008 (Quinta-feira)

Textos básicos para crise em casos de suicídio

images-aTextos básicos para crise em casos de suicídio.

 (New – Vide Manual da OMS p/ prevenção – Genebra)

Veja também: posição do terapeuta e algoritmo.

 Prof. Celso Lugão da Veiga (Em 07 de outubro de 2007).

Sobre traumas, dissociações e EMDR

h

Certa vez, em meu consultório, filmei uma sessão com um cliente, e daí tive a sorte de rever o filme mais tarde e ver aquilo que na hora não vi… Enquanto ele relatava emocionado a sua tentativa de fuga dos seus agressores sexuais em sua infância, suas pernas tamborilavam no chão. Explicarei isto mais tarde…

Temas que preocupam os leigos sobre a HIPNOSE e um caso de fobia de gatos

Atualmente a tua mente atua ou mente

I Parte – Sobre a hipnose

A hipnose é uma técnica, e como toda técnica tem seu aspecto problemático se for mal aplicada. Os riscos da hipnose são os mesmos que qualquer outra técnica mal utilizada. Um açougueiro experiente percebe quando um novato usa mal o facão e estraga a peça de carne. O facão é a técnica. Donde o velho ditado: a técnica certa em mãos erradas faz da técnica certa a técnica errada. Logo…

As neurociências no tribunal

from
https://www2.uol.com.br/sciam/reportagens/neurociencia no_tribunal

Neurociências no tribunal. Varreduras cerebrais e outras provas
neurológicas raramente são aceitas em julgamentos atuais. Mas algum dia poderão transformar opiniões judiciárias de credibilidade e
responsabilidade pessoal.

Michael S. Gazzaniga

POR UMA ESTRANHA coincidência fui convocado para ser jurado pela primeira vez pouco depois de assumir o cargo de diretor de um novo projeto da Fundação MacArthur, que explorava as questões suscitadas pela neurociência para o sistema de justiça criminal. Nada menos que 80 pessoas compareceram para o processo de seleção em um caso que envolvia uma jovem mulher, acusada de dirigir sob influência de substâncias tóxicas (DUI, na sigla em inglês), mas a maioria de meus concidadãos foi dispensada por várias razões, principalmente em razão de suas próprias experiências de DUI. Por fi m fui chamado ao juiz. “Diga-me o que você faz”, ordenou ele.