Resultados para 'Hipnologia e hipnoterapia'

Sobre traumas, personalidade borderline e a dinâmica do psiquismo

fantasy eye Sobre traumas, personalidade “borderline” e a dinâmica do psiquismo

Entrevistadora:  Professor, o senhor poderia explanar sobre o efeito dos traumas?

Prof. Celso Lugão: Bem, sempre que alguém é ameaçado, determinados processos entram em ação. A combinação de vários fatores, como a idade, o tipo de trauma, de ameaça, etc., com estes processos dá uma configuração particular a cada caso.

Memória e Psicoterapia: Milton Erickson & Eric Kandel

erickson_in_college

Eric Kandel

Milton Erickson

Reconstruindo o passado emocional dos clientes    Eric Kandel–> Acima (à esquerda – Milton Erickson)   O jovem  Erickson (in College) – acima

“Não tenho amigos, vivo sozinha e sou muito sem graça para me casar. Decidi procurar um psiquiatra antes de cometer suicídio. Vou tentar por três meses, e então, se as coisas não se endireitarem será o fim “.  Estas foram as palavras de uma jovem de 20 anos para Milton Erickson…

Por outro lado o prêmio Nobel em fisiologia ou medicina no ano 2000, Eric Kandel, nos fornece dados consistentes sobre a memória para embasar a psicoterapia e a hipnoterapia.

Temas que preocupam os leigos sobre a HIPNOSE e um caso de fobia de gatos

Atualmente a tua mente atua ou mente

I Parte – Sobre a hipnose

A hipnose é uma técnica, e como toda técnica tem seu aspecto problemático se for mal aplicada. Os riscos da hipnose são os mesmos que qualquer outra técnica mal utilizada. Um açougueiro experiente percebe quando um novato usa mal o facão e estraga a peça de carne. O facão é a técnica. Donde o velho ditado: a técnica certa em mãos erradas faz da técnica certa a técnica errada. Logo…

Técnica de formulação de recursos

 

Celsius 61    Técnica de formulação de recursos

Este texto surgiu da necessidade dos estagiários e estagiárias da UERJ, e de cursos de hipnose que ministrei, ao longo do tempo (desde 1988), de terem um material que os orientasse de uma forma mais objetiva na formulação dos recursos que os clientes necessitam ter para enfrentarem seus traumas ou outros problemas.

Resiliência-no-trabalho

Às vezes tem que tomar remédio também junto com a psicoterapia, tudo depende de um excelente diagnóstico diferencial junto ao cliente.

Considerações sobre a função de ensinar

5

Sensei Marcio Fontes

Prof. Marcio Fontes entrevista o Prof. Celso Lugão da Veiga

Questões:

  1. Que teorias alicerçam a sua prática educativa?
  2. Como você interpreta o processo ensino-aprendizagem?
  3. Quais são os comportamentos, as atitudes, os instrumentos utilizados pelo professor em sala de aula?
  4. Como se relaciona com os alunos? Que linguagem é utilizada?

A hipnose na terapia breve

 

Rachmaninov_1900

Serguei Rachmaninov

A hipnose na terapia breve

Dr. Lewis R. Wolberg

(Impresso em 09 /11/ 2000)

Corria o ano de 1897 e o lugar era São Petersburgo.

A ocasião foi a estréia da Primeira Sinfonia de um compositor de vinte e quatro anos de idade (Serguei Rachmaninoff). Foi um completo fiasco e o próprio Rachmaninoff descreveu como ficou sentado, mudo de horror, durante parte da execução e, depois fugiu da sala de concertos antes do fim. Numa festa que tinha sido organizada em sua homenagem para essa noite, depois do concerto, continuou agitado e inquieto, mas o golpe final chegou na manhã seguinte, quando apareceram as críticas.

A hipnose natural e a importância do uso de metáforas significativas by Tamine Lean

Gestalt A hipnose é uma ferramenta importante e reconhecida no campo da prática psicoterápica, e seu manejo adequado pode ir além de auxiliar a reconhecer, e banir, os entraves que prejudicam o bem- estar. Além de atingir áreas “esquecidas”, com intuito de expressá-las e tornar possível sua elaboração numa nova perspectiva, permite, em consequência, a utilização do potencial do indivíduo, liberando as próprias alternativas de solução de diversas problemáticas psicológicas.

Esta autora utiliza a hipnose numa abordagem naturalista, na forma como é trabalhada por Milton H. Erickson, e este não se prende a procedimentos tradicionais, formais, como algo ritualizado, utilizando relógios ou a imagem fantasiosa do pêndulo, mas , ao contrário, procura devolver a Hipnose ao campo de utilização de mecanismos próprios do indivíduo, permitindo que habilidades naturais do ser sejam respeitadas e utilizadas.

A PSICOTERAPIA ESTRATÉGICA NO SPA DA UERJ

Daniel e Pão de Açúcar A PSICOTERAPIA ESTRATÉGICA NO SPA DA UERJ by DANIEL EVANGELISTA DE SOUZA JUNIOR

ORIENTADOR: PROFº CELSO LUGÃO DA VEIGA

Monografia apresentada à Universidade do Estado do Rio de Janeiro como pré-requisito para a obtenção do grau de bacharel em Psicologia em Agosto de 2013

Resumo:

Este trabalho tem como objetivo apresentar o Projeto de Psicoterapia Estratégica existente na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), que é conduzido pelo Prof. Celso Lugão da Veiga. A partir da revisão bibliográfica dos referenciais epistemológicos e psicoterápicos,serão descritas as diferentes abordagens, técnicas e teorias que contribuem para a metodologia da terapia estratégica.

Einstein tornou-se célebre pela Teoria da Relatividade, e não pela Teoria da Arbitrariedade: Uma entrevista sobre o X Congresso de Hipnose.

EinsteinEinstein tornou-se célebre pela Teoria da Relatividade, e não pela Teoria da Arbitrariedade: Uma entrevista sobre o X Congresso de Hipnose.

Professor Lugão, poderia comentar duas perguntas?

(Grupo de alunos que estiveram presentes no X Congresso de Hipnose)

Quais foram as vossas impressões sobre o Congresso de Hipnose recentemente ocorrido na UERJ?

A atual crise da ciência apontada pelo movimento Pós-Moderno é preocupante?

IMPROVISAÇÃO, HIPNOSE & PSICOTERAPIA

DSC03153 IMPROVISAÇÃO, HIPNOSE & PSICOTERAPIA by Celso Lugão da Veiga

( Foto: A Árvore Sefirótica,  na concepção de Diogo Lean Veiga)

Abaixo há o resumo da palestra feita no dia   29 de junho de 2012, no X CONGRESSO BRASILEIRO DE HIPNOLOGIA, na UERJ, pelo professor Celso Lugão da Veiga. Após este resumo há uma descrição de como foi realizada e conduzida esta palestra. Mais além será publicado na íntegra o artigo de mesmo nome que originou esta comunicação.     Pretende-se, em um próximo artigo, comentar as impressões sobre o Congresso e se levantar reflexões sobre os rumos da hipnoterapia e da hipnologia, bem como o esclarecimento do que é o empreendimento científico.